Origens orientais

“Por outro lado, ainda que um dia se demonstre que elas são mesmo orientais, constata-se que, de todo modo, tanto para as cartas tradicionais quanto para o tarô, elas já não carregam os traços dessas origens. Toda a iconografia das cartas e dos tarôs, quer se trate de sequências, quer de trunfos, é nitidamente inspirada na Idade Média ocidental em sua arte, mas também em sua técnica.”

NADOLNY, Isabelle. História do Tarô. Um estudo completo sobre suas origens, iconografia e simbolismo. Ed. Pensamento, 2022, pág. 33.