Carta de suporte

Meus queridos amigos, filhos do coração,

Eu escrevo essa breve carta para lembrá-los de que todos somos livres nos caminhos ascensionais que resolvemos trilhar, e não obstante aos planos da espiritualidade maior, das esferas mais elevadas, ainda assim, encontramos pela frente diversos obstáculos que hão de escalonar-se na mesma medida em que cresce a relevância do nosso trabalho e a luz que emana de nossa escola.

Nós não passaremos irrelevantes ou imperceptíveis, e isto por si só é razão para despertar a fúria de forças hábeis mas ainda ignorantes das verdades maiores.

Lembrem-se que todo inverno iniciático é precedido por esse tipo de aparente chateação. contudo, não olvideis os vossos olhos de contemplar mais amplos horizontes nas linhas da Infinita Sabedoria que em tudo sempre nos socorreu. O Alto é por nós! E coisa alguma há de nos reduzir ou roubar o lugar que nos cabe.

Vamos em frente e com coragem!

G. Uchôa

Está tudo bem chorar pelas desavenças e aliviar o coração diante da aspereza com que os contrastes da vida se apresentam, por vezes até revestidos de falácias e calúnias dolorosas.

Está tudo bem!

Está ainda melhor colher da dificuldade o seu fruto e renovar o sentir que nos coloca em sintonia. Fizeram isso aos que te precederam. Farão isso aos que te sucederem. Trabalhador algum fica sem a justa medida dos seus pagamentos em dia. Nosso patrão é justo e bom. Confie menino!

Olívia

 

Sabor é saber. Saborear é viver

Estamos animados meu filho, e segundo a nossa observação as tarefas tem sido desempenhadas a contento. Os desafios cotidianos trazem tempero especial com sabores próprios que realçam o preparo existencial de cada um. Isoladamente podem parecer mais ou menos exóticos, indispostos ao paladar. Mas a justa combinação, diluída no tempo certo, faz de cada um ingrediente essencial a compor o sabor que nos leva ao prazer.

Assim é a vida, com suas combinações mais ou menos excêntricas. A situação mais diversa sempre a porta seu gosto especial. Sabor é saber, e saborear é viver, livre, de boa e no fluxo. Com leveza característica mas sem nunca perder o foco. Leveza é indicativo de serenidade; serenidade de evolução.

Avancemos sempre, pois a primavera apenas se insinua nossos horizontes. É hora de retornar e partilhar o elixir alcançado nas cavernas profundas do inverno.

General