A santidade deste homem

“A santidade deste homem – dizem – não precisa do testemunho dos milagres, pois nós mesmos a vimos com nossos olhos, tocamos com nossas mãos e comprovamos sua verdade”. Todos se comovem, aplaudem, choram lágrimas carregadas de paz.

Frei Tomás de Celano. Primeira Vida: Vida de São Francisco de Assis Escrita em 1228 D.C, Ed. Família Católica,2018, Local: 1763.

TERCEIRO LIVRO

Sobre a canonização