Pescadores de Homens

“Os sábios consideram este mundo um oceano de ilusão onde os peixes humanos são constantemente acossados pelos tubarões dos sentidos. (…)  Deus quer que os verdadeiros pescadores de homens aprendam a arte de lançar a rede de seu magnetismo espiritual para capturar as almas presas pelo erro, trazendo-as a Ele. Aqueles que são conduzidos com sabedoria à presença de Deus estão sempre protegidos nas águas límpidas da imortalidade.”

YOGANANDA, Paramahansa. A Segunda Vinda de Cristo, A Ressurreição do Cristo Interior. Comentário Revelador dos Ensinamentos Originais de Jesus. Vol. I. Editora Self, 2017, pág. 425.

Capítulo 23: Pescadores de Homens.

Despertar da Kundalini

Instrutores ignorantes frequentemente associam kundalini com a força sexual e a envolvem em mistério, a fim de assustar neófitos quanto ao perigo de despertar essa sagrada força serpentina. Confundir o despertar de kundalini com o estímulo da consciência sexual é uma concepção interiramente corrompida e extremamente ridícula. Ao contrário, no despertar de kundalini a força vital do iogue se retira dos nervos sensoriais, particularmente aqueles relacionados ao sexo, conferindo-lhe absoluto controle sobre as tentações sensoriais e sexuais.

(…)

Os sentidos da visão, audição, paladar, tato e olfato são como Cinco holofotes que revelam a matéria. À medida que a energia vital flui ao exterior através desses raios sensoriais, o homem é atraído por belas faces, sons cativantes ou sedutores perfumes, sabores e sensações táteis. Esse é um processo natural; mas aquilo que é natural para a consciência limitada ao corpo não é natural para a alma. Entretanto, quando essa energia vital divina é retirada dos sentidos autocráticos através da via espinal, chegando ao centro espiritual de percepção infinita no cérebro, então o holofote de energia astral lança-se à imensidão da eternidade para revelar o Espírito universal. O devoto sente-se atraído ao Sublime Sobrenatural – a Beleza de todas as belezas, a Música de todas as músicas, a Alegria de todas as alegrias. Ele pode tocar o Espírito em todo o universo e ouvir a voz de Deus reverberando em todas as esferas. A forma se dissolve no Sem-Forma. A consciência do corpo, confinada a uma pequena forma temporária, expande-se ilimitadamente no Espírito eternamente existente e sem forma.”

YOGANANDA, Paramahansa. A Segunda Vinda de Cristo, A Ressurreição do Cristo Interior. Comentário Revelador dos Ensinamentos Originais de Jesus. Vol. I. Editora Self, 2017, pág. 293-294.

Capítulo 13: O segundo nascimento do homem: o nascimento no Espírito – Diálogo com Nicodemos, parte I.

Estar no Presente

“Nunca pense no amanhã. Cuide do dia de hoje e todos os amanhãs cuidarão de si mesmos. Não espere até amanhã para meditar. Não espere até amanhã para ser bom. Seja bom agora. Seja calmo agora. Isso dará outro rumo à sua vida.”

YOGANANDA, Paramahansa. Como Despertar Seu Verdadeiro Potencial. Ed. Pensamento. Versão Kindle, 2019, Posição 800.

Expansão da Consciência Através da Meditação

“Por meio da meditação, você aprende a desconectar sua energia dos sentidos[ 3 ] e, conscientemente, penetrar no Infinito. Experimenta uma expansão da consciência, que se desloca dos limites do corpo para os limites da eternidade.”

YOGANANDA, Paramahansa. Como Despertar Seu Verdadeiro Potencial. Ed. Pensamento. Versão Kindle, 2019, Posição 653.

Conhecer Deus Não Significa Negar os Desejos

“Conhecer Deus não significa negar os desejos, mas sim atingir a completa satisfação. As sim como não podemos saciar nossa própria fome alimentando outra pessoa, também a alma jamais pode satisfazer-se alimentando os sentidos.

(…)

O desejo limita a consciência ao objeto desejado. O amor por todas as coisas boas como expressão de Deus expande a consciência do homem. Aquele que banha sua consciência no Espírito Santo desapega-se de objetos e desejos pessoais, enquanto desfruta de tudo como júbilo de Deus em seu íntimo.”

YOGANANDA, Paramahansa. A Segunda Vinda de Cristo, A Ressurreição do Cristo Interior. Comentário Revelador dos Ensinamentos Originais de Jesus. Vol. I. Editora Self, 2017, pág. 138.

Capítulo 6: O batismo de Jesus.

Vestígios Espirituais

“– O pensamento espalha nossas próprias emanações
em toda parte a que se projeta. Deixamos vestígios espirituais, onde arremessamos os raios de nossa mente, assim como o animal deixa no próprio rastro o odor que lhe é característico, tornando-se, por esse motivo, facilmente abordável pela sensibilidade olfativa do cão. Quando libertados do corpo denso, aguçam-se-nos os sentidos e, em razão disso, podemos atender, sem dificuldade, a esses fenômenos, dentro da esfera em que se nos limitam as possibilidades evolutivas.

Xavier, Francisco Cândido / André Luiz. Nos Domínios da Mediunidade. Federação Espírita Brasileira, Brasília, 1955, Capítulo 26.

A Influência Parapsicológica

Outros sentidos poderiam advir, e a parapsicologia já os começa a indicar na criatura humana, podendo então o homem, quando os tiver desenvolvidos e operantes, perceber outra ou outras dimensões daquela mesma anterior realidade. Estas até então não percebidas, não elaboradas no seu psiquismo. Sobreviria ou sobrevirá segura mente uma concepção mais ampla e abrangente do universo em que vive.”

UCHÔA, Alfredo Moacyr. Mergulho no Hiperespaço. Dimensões Esotéricas na Pesquisa dos Discos Voadores. Brasília, 1976, pág. 87.

Não Nascemos para ser Mornos

“Desde o início acordamos, parece, lucidamente, para ver esse perigo e tê-lo em conta, precatando-nos em equilíbrio e sobriedade. Todavia, não nascemos, vivemos, estudamos e trabalhamos para amar e cultivar a rotina medida pela repetição monótona do já vivido e indefinidamente repetido, que traça norma de conduta inexorável, sempre a mesma, à maioria das pessoas desprovidas de um sentido maior face ao próprio fato de existir.”

UCHÔA, Alfredo Moacyr. Mergulho no Hiperespaço. Dimensões Esotéricas na Pesquisa dos Discos Voadores. Brasília, 1976, pág. 11.

Um Dia e Tanto

Dia estranho. Recebo a notícia de rescisão de nossa parceria com a Uniespírito, depois de 3 anos de muito trabalho. Um pouco sem rumo por todo comprometimento econômico que nos gera, desnorteado, ouço o General me dizer mentalmente:

Mas ora veja, eu tenho que te ensinar física básica homem? Você por acaso não entende? Dois corpos não ocupam o mesmo lugar ao mesmo tempo. Por que é que você não cabe nos lugares de onde sempre é convidado a sair? É porque você é maior que esses lugares e eles simplesmente não poderiam conter o tamanho de quem nós somos chamados a ser. 

No mesmo dia, recebo de duas autoras os esboços de criação de um livro que irá ensinar Hermetismo para crianças. Me escreveram dizendo que se inspiraram em minhas aulas e que um dos personagens criados é em minha homenagem. Reforça o senso de sentido, renova o espirito de grandeza e a ousadia de voar ainda mais alto. Livre estou.

Identidade e Sentido

Nem sempre os seus dias serão pacíficos e tranquilos haja vista que movimento é um imperativo da ação daqueles que se propõe a realizar e trazer para a superfície do planeta novos dias, de um novo tempo, de uma Nova Era.

Eu tenho estado presente em todos os momentos. Sei das tuas angústias e das tuas aflições e, muito mais do que isso, acompanho também a evolução de sua disposição renovada em empreender segundo os conceitos do nosso mestre, tão carinhosamente transmitidos a este que vos fala, nos limites da fazenda de Alexânia.

Haja, meu filho, em ti, força intelectual e disposição moral para não esvanecer diante dos desafios que o propósito traz, pois aquele que conhece a direção do seus passos no caminho é ousado e irrefreável como uma pedra que se despenca num desfiladeiro: nada pode detê-la, nada pode segurá-la, porque a sua natureza é combinada com a força da gravidade com os fluxos das leis naturais, de  maneira que o seu caminho possui um fluxo de força tremenda ao qual nada pode se opor. Harmonize a tua natureza aos fluxos da lei divina e perceba emanar de dentro de si a força do propósito, do sentido…

Identidade e sentido! Estes são verdadeiramente as grandes metas do projeto do Círculo na dimensão tridimensional: levar as pessoas a compreender e viver segundo tal compreensão.

Sugiro ainda que nós nos dediquemos juntos a esta modalidade onde eu posso falar através de você de maneira que você mantém a consciência e o controle motor dos teus atos mas o controle partilhado da suas cordas vocálicas esteja sempre a disposição. Isto fará com que nós aumentemos a nossa capacidade de comunicação, o que será tão necessária no futuro próximo.

Sempre me despeço com o carinho daquele que encontrar um amigo de tanto tempo, um irmão de jornada, um filho querido neste momento do projeto, mas também um pai amado que soube outrora, com sua sabedoria, me conduzir pelos caminhos da fé.

Avancemos sempre meu caro Major.

General Uchôa

Nota: Fiz um teste de permitir que ele utilizasse a psicofonia, e liguei o microfone do iMac com ditado. Depois apenas revisei e pontuei o texto. A modalidade pareceu ser útil, o fluxo irresistível, a complexidade das ideias bem além da minha velocidade de elaboração. Ele ainda ressalta que o treino seria útil para nós dois.