Propósitos Diversos na Aproximação dos Humanos

“Uma resposta completa a tal indagação nos levaria muito longe, dado o número imenso de fatores implicados. Começa que há um grande número de origens de seres que, como nós, vem procurando aproximar-se de vocês, humanos. E não todos com os mesmos propósitos e a mesma capacidade para promovê-los e alcançá-los. Qualquer resposta completa haveria que considerar a multiplicidade tão ampla de origens, resultando em uma imensa diversificação de tônica psicológica característica de cada um, condicionante dos fins a que se propõe. Posto isso, é óbvio atentar para que devemos falar do que nos compete, do que diz respeito a nós próprios, em conjunção apenas com seres também de globos mais distantes, extrasolares, já por nós próprios contactados e que, aqui, estão com os mesmos propósitos de ajuda ao humano, propósitos que já dissemos haverem nos conduzido até aqui. Aliás, já foi dito que há uma verdadeira Politica de Poder em torno do Globo de vocês, da humanidade de vocês, uma disputa de influência e domínio sutil, que se passa nesse plano menos denso, ainda não acessível ao humano.(…)”

UCHÔA, Alfredo Moacyr. Mergulho no Hiperespaço. Dimensões Esotéricas na Pesquisa dos Discos Voadores. Brasília, 1976, pág. 127.

Formas de Manifestar a Mediunidade

“O rádio que pega tudo e o problema da “Sintonia”

“Há diferentes gêneros de mediunidade; contudo, importa reconhecer que cada espírito vive em determinado degrau de crescimento mental e, por isso, as equações do esforço mediúnico diferem de indivíduo para indivíduo, tanto quanto as interpretações da vida se modificam de alma para alma. As faculdades medianímicas poder ser idênticas em pessoas diversas; entretanto, cada pessoa tem a sua maneira particular de empregá-las. Um modelo, em muitas ocasiões, é o mesmo para grande assembleia de pintores, todavia, cada artista fixá-lo-á na tela ao seu modo.”

Xavier, Francisco Cândido / André Luiz. Nos Domínios da Mediunidade. Federação Espírita Brasileira, Brasília, 1955, pp. 105-113.