Mediador Entre o Plano Terrestre e o Plano Espiritual

(…) O desenvolvimento mais amplo das faculdades medianímicas exige essa providência (laço de luz). Ouvindo e vendo, no quadro de vibrações que transcendem o campo sensório comum, Ambrosina não pode estar à mercê de todas as solicitações da esfera espiritual, sob pena de perder o seu equilíbrio. Quando o médium se evidencia no serviço do bem, pela boa-vontade, pelo estudo e pela compreensão das responsabilidades de que se encontra investido, recebe apoio mais imediato de amigo espiritual experiente e sábio, que passa a guiar-lhe a peregrinação na Terra, governando-lhe as forças. No caso presente, Gabriel é o perfeito controlador das energias de nossa amiga, que só estabelece contacto com o plano espiritual de conformidade com a supervisão dele. (…)

Xavier, Francisco Cândido / André Luiz. Nos Domínios da Mediunidade. Federação Espírita Brasileira, Brasília, 1955, Capítulo 16.

Equilíbrio x Foco

Isso é tão importante que até a sua vida pode estar em jogo. Um estudo de 11 anos com quase 7100 funcionários públicos britânicos concluiu que expedientes diários muito longos podem ser fatais. Os pesquisadores mostraram que indivíduos que trabalho mais de 11h00 por dia (55 horas por semana) tinha 67% mais chances de adoecer do coração. O balanço não se resume apenas uma questão de bem-estar; ele é essencial para viver bem.

(…) No mundo do sucesso profissional, não se trata de quanto tempo é pra você emprega; o ingrediente chave em quem você foca e se tem. Para conquistar um resultado extraordinário, você tem de escolher o que mais importa e dedicar todo tempo necessário. Isso requer ficar extremamente fora do equilíbrio em relação a outras questões do trabalho, com apenas um balanço eventual para atendê-las.

Keller, Gary; Papasan, Jay. A única coisa. Novo Século Editora, Barueri, 2014, p. 77.

Equilíbrio?

O que parece um estado de equilíbrio é na verdade algo completamente diferente: o ato de equilibrar-se. Pensado triste mente como substantivo, o equilíbrio é vivido, na prática, como um verbo.

(…) Ouvimos tanto falar no equilíbrio que automaticamente acreditamos ser ele exatamente o que deveríamos procurar. Mas não é. Propósito, sentido, significado: é isso que constrói uma vida de sucesso. Busque os e você, com muita certeza, viverá uma vida desequilibrada, Cruzando repetidamente uma linha divisória invisível conforme persegue suas prioridades. O ato de viver uma vida completa dando tempo ao que importa é o ato de equilíbrio. Resultados extraordinários requerem atenção focada e tempo. O tempo gasto com uma coisa significa tempo perdido para outra, o que torna o equilíbrio impossível.

(…) Para conquistar um resultado extraordinário, você tem que escolher o que mais importa e dedicar em todo tempo necessário. Isso requer ficar extremamente fora do equilíbrio em relação a outras questões do trabalho, com apenas um balanço eventual para atendê-las.

(…) Sua vida profissional é dividido em duas áreas distintas: o que mais importa e o restante.

Keller, Gary; Papasan, Jay. A única coisa. Novo Século Editora, Barueri, 2014, pp. 69-79.