Influências reciprocas

dependendo dos nossos semelhantes, em nossa trajetória para vanguarda evolutiva, a maneira dos mundos que se deslocam no espaço, influenciados pelos astros que o cercam, agimos e reagimos uns sobre os outros, por intermédio da energia mental em que nos renovamos constantemente, criando, alimentando e destruindo formas e situações, paisagens e coisas, na estruturação dos nossos destinos.

Xavier, Francisco Cândido / André Luiz. Nos Domínios da Mediunidade. Federação Espírita Brasileira, Brasília, 1955, pp. 11-18.