Pai intruso

Mas veio o pai. Ele era o guia e iniciador para os/nos mistérios do desconhecido. Na qualidade de intruso original no paraíso da criança com a mãe, o pai é o inimigo arquetípico; eis porque, ao longo da vida, todos os inimigos simbolizam (para o inconsciente) o pai.

Campbell, Joseph. O herói de mil faces. Pensamento, São Paulo, 2007, p. 150.