Grandeza Espiritual

“Um poste de luz ilumina a rua em todas as direções exceto diretamente sob sua base, onde se projeta uma sombra. De modo similar, um profeta iluminado por Deus lança luz em todos e é amplamente reconhecido, com a frequente exceção das pessoas que lhe são próximas e que mantêm com ele um relacionamento familiar ou social, mas não devocional. A ênfase excessiva e míope no aspecto humano de um relacionamento cega essas pessoas e não lhes permite ver a grandeza espiritual de um personagem divino.

(…)

Quem vive em meio à grandeza panorâmica das imponentes montanhas do Himalaia pouco aprecia a inspiradora paisagem por que sua atenção está na sua vida doméstica; as pessoas ficam tão acostumadas ao extraordinário lugar em que vivem que o consideram “nada especial”. Mas para os visitantes que vêm de terras longinquas com uma atitude mental entusiasta, a majestosa vastidão dos elevados picos é uma experiência deslumbrante.”

YOGANANDA, Paramahansa. A Segunda Vinda de Cristo, A Ressurreição do Cristo Interior. Comentário Revelador dos Ensinamentos Originais de Jesus. Vol II. Editora Self, 2017, pág. 200-201.

Capítulo 39: “Nenhum profeta é bem recebido na sua pátria”

Publicado por

Juliano Pozati

Strengths coach, Escritor, Espiritualista e empreendedor. Membro do Conselho do The Institute for Exoconsciousness (EUA). Meio hippie, meio bruxo, meio doido. Pai do Lorenzo e fundador do Círculo. Bacharel em Marketing, expert em estratégia militar, licenciando em filosofia. Empreendedor inquieto pela própria natureza. Seu fluxo é a realização!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.