História

“De 27 de agosto a 8 de outubro de 1978, mais de três milhões de pessoas foram até à cidade de Turim para observar e venerar uma peça de linho de 4,30 metros de comprimento por 1,10 de largura, em que se encontra estampada a figura de um corpo humano de frente e de costas.

(…)

“Duas circunstâncias explicavam essa afluência. Por um lado, ocorria nessas datas das raras exposições públicas desse lençol: as anteriores datavam de 1868 e 1898, no século passado e de 1930 e 1933, neste século.”

ESPINOSA, Jaime. O Santo Sudário. São Paulo: Quadrante, 2017, pág. 05.

Publicado por

Juliano Pozati

Strengths coach, Escritor, Espiritualista e empreendedor. Membro do Conselho do The Institute for Exoconsciousness (EUA). Meio hippie, meio bruxo, meio doido. Pai do Lorenzo e fundador do Círculo. Bacharel em Marketing, expert em estratégia militar, licenciando em filosofia. Empreendedor inquieto pela própria natureza. Seu fluxo é a realização!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.