Reconstrução Forense do Sudário

“Jesus passou por violento sofrimento físico durante o Caminho da Cruz, mas que Ele também foi vítima de extrema angústia mental, que drenou e debilitou Sua força física, até o ponto de total exaustão.

(…) Os efeitos da hematidrose e da profunda ansiedade a ela associada são fraqueza geral, depressão, pequena ou moderada desidratação e discreta hipovolemia (baixo volume sanguíneo e de fluido) devidos ao suor e perda de sangue – tudo isso deve ter enfraquecido Jesus antes de Sua crucificação.”

ZUGIBE, M.D, Ph.D. Frederick T.  A Crucificação de Jesus: As Conclusões surpreendentes sobre a morte de Cristo na visão de um investigador criminal. São Paulo: MATRIX, 2008, pág. 29.

 

Publicado por

Juliano Pozati

Strengths coach, Escritor, Espiritualista e empreendedor. Membro do Conselho do The Institute for Exoconsciousness (EUA). Meio hippie, meio bruxo, meio doido. Pai do Lorenzo e fundador do Círculo. Bacharel em Marketing, expert em estratégia militar, licenciando em filosofia. Empreendedor inquieto pela própria natureza. Seu fluxo é a realização!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.