William Walker + Uchôa

Diário Espiritual de 17 de outubro de 2019

“Mas se algum obstetra espiritual, nesse entretempo, estendido a shimenawa em torno do refúgio, então o trabalho de representar a eternidade no plano temporal, de perceber neste, a eternidade, não pode ser evitado”

Joseph Campbell – O Herói de Mil Faces

Sobre o trecho acima, em meio ao estudo:

“Venha à nós o vosso Reino e que na Terra sua vontade se faça como no céu”, pois todos os paradoxos podem ser reconciliados e pares polares aparentemente dicotômicos são em natureza a mesma e única coisa, separada pela ilusão da consciência fragmentada de si mesma e de sua real natureza originária.”

“Somos um, e se ainda não nos sentimos viver e estar como uma só coisa com o Todo é porque a nós nos falta aceitar e acolher o convite imanente de nosso interior que nos chama incessantemente à um mergulho em si mesmos. E que tal afirmação não se imponha como jornada egoística, pois que é em nosso interior que descobrimos a comum unidade que faz de toda a família de seres viventes uma só comunidade, no amor do Pai de todas as coisas.”

William Walker + Uchôa

Publicado por

Juliano Pozati

Strengths coach, Escritor, Espiritualista e empreendedor. Membro do Conselho do The Institute for Exoconsciousness (EUA). Meio hippie, meio bruxo, meio doido. Pai do Lorenzo e fundador do Círculo. Bacharel em Marketing, expert em estratégia militar, licenciando em filosofia. Empreendedor inquieto pela própria natureza. Seu fluxo é a realização!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.