A Pesquisa no Campo da Hiperfísica

“Considerando as vinte e uma humanidades esse é ainda um estágio inferior, não obstante o avanço científico e técnico que já alcançaram. Todavia, em outros dos planetas do nosso sistema já seus habitantes conseguem preparar seus veículos de forma a operarem nessa outra dimensão, nelas imergindo por uma desmaterialização bem controlada. O segredo desse tipo de trabalho e de operação, visando a um relacionamento efetivo dimensional, ascendendo a um nível superior, reside em que já foram dominadas as condições de eterização da matéria densa, conservada forma e demais outras propriedades de nível mais elevado e as de adensa mento físico, palpável, segundo o critério de vocês, de matéria etérica, mantidas, outrossim, as formas em que se apresentam no hiperespaço, já tão considerado. Será que vocês, humanos, compreenderão e poderão aceitar que a ciência e a técnica do seu planeta caminham para isso? Só mesmo uma pequena minoria estará apta a valorizar tal perspectiva e por isso mesmo vanguardeará a pesquisa no campo dessa tônica hiperfísica!”

UCHÔA, Alfredo Moacyr. Mergulho no Hiperespaço. Dimensões Esotéricas na Pesquisa dos Discos Voadores. Brasília, 1976, pág.119.

Publicado por

Juliano Pozati

Strengths coach, Escritor, Espiritualista e empreendedor. Membro do Conselho do The Institute for Exoconsciousness (EUA). Meio hippie, meio bruxo, meio doido. Pai do Lorenzo e fundador do Círculo. Bacharel em Marketing, expert em estratégia militar, licenciando em filosofia. Empreendedor inquieto pela própria natureza. Seu fluxo é a realização!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.